Amigos gays que data

Meu amigo hétero

2020.08.20 18:22 stlukest Meu amigo hétero

Homem, 27, gay. Relato de 2016.
Chamei uns amigos próximos pra uma noite de sexta aqui em casa. Jantar, bebida, maconha, cigarro, aquela coisa. Lá pelas tantas da madrugada, a galera começou a ir embora e ficou só um grande amigo meu, hétero, que estava solteiro na época.
Ficamos ainda mais um tempo conversando até que ele perguntou se poderia dormir aqui em casa. Disse que estava meio "lesado" da maconha e não queria pegar Uber naquela hora. Falei que não teria problema, até porque ele já tinha dormido aqui umas duas vezes antes.
Um tempo depois, fui pro meu quarto e ele foi pro outro quarto. Percebi que ele tinha ligado o chuveiro. Deitei e dormi. Uns minutos depois, acordei com uma mensagem dele perguntando se eu estava acordado ainda. Respondi que sim e ele disse "chega ae".
Na minha cabeça, certamente o gurizão tinha feito alguma merda no banheiro...
Entrei no quarto, todo escuro. Só conseguia ver um pedaço do rosto dele pelo brilho do celular. Sentei na cama e perguntei o que ele queria.
Ele perguntou se eu tinha ouvido o que uma das gurias tinha dito no jantar e puxou uns papos meio aleatórios sobre as outras pessoas... até que ele pegou a minha mão, puxou até o pau dele e começou a mexer.
PORRA. Me chamem de ingênuo, mas não estava esperando aquilo. Congelei por uns segundos, daí me subiu aquele calor e pensei... que se foda. Vamos a isso.
Até aquela época eu só tinha tido um namorado e ele não curtia receber sexo oral, então eu nem sabia como fazer direito.
Fui pra baixo da coberta e comecei. Dei aquela enganada no pau durante um tempo, daí fui descendo com a língua até as bolas e finalmente a bunda. Ele tomou um susto no começo, mas deixou. Acho que ele nunca tinha feito nada parecido porque ele dava uns gemidos abafados e forçava minha cabeça na bunda dele (e quem curte bunda sabe como isso nos deixa loucos).
Fiquei maluco pra penetrá-lo, mas ele não deixou e me puxou de volta pra baixo. Continuamos ali até terminarmos, daí nos levantamos e cada um foi para um banheiro se lavar. O outro dia foi como se nada tivesse acontecido.
Até hoje não sei dizer se foi carência/tesão do momento, maconha/bebida, curiosidade... só sei que, pra mim, foi bom pra caralho.
Foi a única vez que transei com um amigo de longa data porque não curto muito misturar amizade com sexo. Hoje eu namoro, ele namora (uma guria) e continua sendo como um irmão pra mim. Nunca mais rolou nada e nunca nem falamos sobre isso. Aliás, essa é a primeira vez que conto essa história.
Alguém já passou por uma situação parecida na vida?
submitted by stlukest to sexualidade [link] [comments]


2020.07.11 07:49 espiritossuperiores O relacionamento interpessoal

O relacionamento interpessoal pode ser compreendido como uma área da psicologia e sociologia que estuda a relação de uma ou mais pessoas levando-se em consideração as suas origens, contextos culturais e localização atual dessas pessoas quando se relacionam.
Eu sendo um homossexual que se atrai exclusivamente por heterossexuais, por ser fadado ao eterno desprezo ou no máximo piedade deles, eu acabo impactos negativos nos meus relacionamentos interpessoais que me deixam em desvantagem em muitas situais, creio que os outros gays que sofram do mesmo problema irão aqui identificar os mesmos problemas que eu. Se você quiser que eu acrescente uma situação de relacionamento interpessoal aqui, deixe de forma clara a situação e o impacto que ela causa em sua vida, nos comentários abaixo.

  1. A timidez, muitas vezes estamos em um grupo onde precisamos tomar alguma atitude antes que algo pior nos aconteça, como você é gay e sente que ali ninguém tem afinidade com o tipo de vida que você tem, você acaba se fechando para não constranger aos outros e a si mesmo.
  2. Recalque: você sente muita atração por homens mas os seus colegas só sabem falar de assuntos sexuais inúmeros da farta sexualidade heterossexual deles, aí então quando você fala algo como um comentário elogiando um rapaz no meio da conversa, todo mundo fala em tom de nojo: ” iiih, que papo estranho!”, “sai fora!”, “o papo tá indo pra um lado estranho!”, enfim, todo tipo de desaprovação e ataque sutil psicológico contra você é lançado, fazendo com que você cale e se recalque no que queria falar ou expressar, consequentemente você começa ficar no grupo por obrigação e não por prazer.
  3. Ostracismo: os relacionamentos interpessoais é comum termos eventos onde unam-se pessoas para variados fins lúdicos, um exemplo disso são as festas de final de ano das empresas, nessas o constrangimento é menor pois você é obrigado a ir, agora quando os seus amigos fazem uma festa particular entre eles onde não se envolve a empresa, todos são convocados, menos você por ser diferente, por ser gay, você acaba então se sentido no ostracismo mas finge que tudo está normal com um sorriso amarelo no rosto.
  4. Desafios de carreira: todos nós na vida moderna temos uma série de cobranças de desempenho para atender, todos gerenciam isso com amortecedores psicológicos para deixar a vida menos tensa, heteros são cobrados para irem bem na faculdade, no emprego e em casa, você também, mas os heteros contam com barzinhos como porta de entrada para sexo farto, namoros em todos locais, adultérios e etc, todos remetendo à válvula de escape do sexo desvairado sempre pronto para acontece, você não, você é cobrado das mesmas coisas mas não conta com amortecedor tão forte como o sexo e a paixão correspondida, logo o seu desânimo para fazer as coisas é maior ou o desânimo dá lugar para o ódio e você fica uma pessoa que desempenha tudo com ódio descontado nos outros em suas atividades interpessoais.
  5. Inadequado: Você precisa de uma profissão mas aquela que você acha, exige uniformes ou fardas que lhe fazem se sentir um heterossexual sendo que você não é, aquela profissão lhe forja uma sexualidade que não é sua, consequentemente você acaba atraindo pessoas que não gosta e se sente um peixe fora da água, o que acaba fazendo a sua vida profissional ser tóxica ou curta.
  6. Redes sociais da depressão: você usa as redes sociais de forma intensiva mas percebe que ninguém do sexo pretendido interage com você, mesmo com a sua presença forte nessas redes, você nota que ninguém curte as suas postagens, suas fotos postadas ninguém nem comenta, deixando clara a sua falta de amizades e popularidade baixa a todos, você então se deprime pois ao se comparar com aquela sua amiga mulher repara que qualquer coisa sem valor que ela posta, tem milhares de curtidas e desejos de vida melhor para ela por parte do sexo oposto, você se sente inadequado e acaba excluindo a sua rede social.
  7. Distanciamento social: você percebe que suas brincadeiras são sempre recriminadas ou não entendidas pela maioria dos integrantes do seu grupo, você também nota que as pessoas sempre evitam ficar sozinhas com você em um lugares públicos para evitarem levar ‘má fama’ de terem um caso com você, os seus colegas falam horas e mais horas sobre assuntos que você não entende em sua frente sem constrangimento algum por você não interagir, é o caso do clássico debate futebolístico entre machos onde você fica sempre ‘sobrando’, então cada vez você começa a querer ficar longe das pessoas e romper as poucas ‘amizades’ que tem.
  8. Constrangimento em nome do grupo: hoje em dia as pessoas se sentem muito ofendidas por serem rotuladas de “anti sociais” então para evitarem essa rotulação aceitam qualquer tipo de constrangimento do ‘bom’ relacionamento em grupo ficando horas entre rapazes que ficam falando todos os tipos de coisa ruins contra homossexuais , mulheres e negros, tudo é tolerado e no fim a pessoa se sente horrível moralmente mas com o dever social cumprido.
  9. Repudio à datas comemorativas: você sabe que no meio heterossexual as pessoas usam as datas comemorativas como desculpa para obterem mais divertimentos entre amigos e aumentar as suas possibilidades sexo-afetivas, porem você sabe que quem é gay e gosta de hetero não desfruta das mesmas vantagens, sendo assim, qualquer feriado ou data comemorativa para você, lembra o seu ostracismo social, consequentemente você acaba ficando indiferente a todas elas, ate mesmo em relação a data do seu aniversário. Você não tem muito o que comemorar.
  10. Horror a barzinhos: você anda nas ruas e vê aqueles heteros lindos , sorridentes, felizes e aparentemente no cio, sempre gritando ou fazendo algo estúpido para chamar a atenção das mulheres para si e muitas vezes são as mulheres que fazem esse papel, você então fica triste pois embora aqueles homens sejam todos do tipo que você aprecia, eles são violentos e repudiam veementemente homossexuais, se você vai a bares gays, você sabe que lhe chegarão outros homens gays que não lhe causarão absolutamente nada, alem disso você corre o risco de num bar gay ser alvo de grupos radicais de extrema direita, por tudo isso você acaba evitando a vida noturna onde mora e fica 24 horas em cima de um computador com internet.
  11. Vulnerabilidade: por você sofrer todas as situações acima, numa relação interpessoal você acaba estando mais vulnerável quando precisar brigar por seus direitos ou pelo seu ponto de vista, mesmo você estando certo, você por ter um comportamento rotulado de antisocial acaba gerando antipatia gratuita nos outros e as pessoas tendem a acreditar e considerarem mais as pessoas “sociáveis” e sedutoras, veja-se o exemplo do Hitler que beijava criancinhas e seduzia os seus fãs com alguns sorrisos, ele ganhou carta branca para fazer o que fez graças também à sua sedução social, então, uma pessoa que aparentemente é antisocial ela passará uma imagem de ruim e sem credibilidade, quando uma pessoa “social” então inventar alguma mentira contra você para lhe colocar em uma encrenca, as pessoas darão mais crédito a ela do que você que é um gay “esquisito” que não se mistura com ninguém, por isso, socialmente o gay que gosta de hetero é muito vulnerável e num debate corre serio risco de ser “fuzilado” injustamente pelos colegas.
submitted by espiritossuperiores to gay [link] [comments]


2019.09.16 23:41 SirMoD Leiam minha historia epica

É gigante, Então se preparem para ler.

estava na sala ia pegar uma depósito após a aula meu melhor amigo se aproxima vulgo chapoca, parceiro de longa data ele pede uma caneta emprestada então tive uma ótima idéia eu só emprestaria a caneta se ele me desse uma camisinha uma mão lava a outra ele me deu a camisola tudo certo, dps da aula transei igual um cavalo no cio e isso virou rotina sempre que alguém queria algo meu eu pedia uma camisinha em troca afinal eu tava transando mais que o seu pai com a amante chapoca também arrumou um esquema com uma gorda do segundo ano então passamos a trocar camisinhas em troca de favores alguns dos nossos amigos acharam isso engraçado pra caralho e começaram a fazer o mesmo só de zoas isso até me deixou puto pq pedi resposta da prova de biologia pro mano junin e ele me cobrou 3 camisinhas logo depois a sala notou nossos esquemas de troca e começaram a praticar também nossa sala virou assunto entre os professores e alunos não demorou muito a escola inteira passou a usar a camisinha como moeda de troca ainda mais por que fizeram um rank na lousa do pátio com a lista das pessoas que mais tinham preservativos e eu estava em primeiro geral começou a falar comigo por causa disso e eu ganhei fama a escola tinha criado um sistema de escambo fudido era comum ver alguém oferecendo lugar na fila da merenda em troca de camisinhas preservativo se tornou importante até para quem nunca transou tava tudo tranquilo eu era o imperador daquela dinastia mas tudo mudou quando meu mano foi dormir na minha casa quando fui para escola no outro dia notei que eu tinha descido para segundo no rank em primeiro lugar estava o chapoca exigi que fizessem uma nova contagem abri minha mochila e todas as minhas camisinhas haviam sumido aquele cu ambulante me roubou larápio do caralho tivemos uma discussão feia e eu parei de falar com ele decidi que iria recuperar o meu trono parei de transar com a depósito só para economizar camisinha roubei algumas do meu pai e decidi ir num posto de saúde pegar ao menos umas trinta e em todos que eu fui os preservativos estavam em falta descobri que outras escolas também aderiram ao mesmo sistema agora seria bem mais difícil me manter no topo da lista nãofodelek mas eu tinha um plano fodesimlek passei a noite analisando tudo colei várias folhas de sulfite e fotos na minha parede tipo aquelas cenas de CSI era o plano perfeito acordei antes de amanhecer abri a caixa de leite e joguei laxante voltei para o quarto, para ninguém desconfiar hehe meu pai acordou para trabalhar tomou o leite com café como sempre e correu para o banheiro aquilo manteria ele ocupado peguei a chave do carro dele no balcão eu nunca havia dirigido em ruas movimentadas antes e nem sozinho tava tremendo um pouquin dirigi até o local que eu colocaria o plano em prática fiquei na avenida, esperando pensa comigo era impossível pegar camisinhas nos postos de saúde e hospitais por que logo cedo um bando de arrombados estava de prontidão para recolher tudo mas e se eu pegasse tudo antes de ser entregue? hehehe música_do_deadpool.mp3 vi o caminhão do governo chegando coloquei uns cones na pista botei a minha máscara de homem aranha da candide o caminhoneiro freiou saquei a minha air soft aponto pra cara do tiozão "isso é uma cilada filho da puta, desce do caminhão!" o cara tinha mó cara de cortador de cana matogrossense começou a chorar falando que não tinha dinheiro fiquei com dó mas foda-se mandei ele encher dez sacos de preservativos e roubei o relógio dele kkkkkkkkkkkkkkkkkllllkklkl fiz ele meter o pé peguei os sacos e joguei no sedan o carro estava lotado de camisinhas cheguei em casa e descarreguei tudo mission complete + respect no dia seguinte cheguei na escola com três mochilas assim que eu entrei todos ficaram em silêncio e olharam para mim igual um bando de suricatos e enquanto eu passava eles abriam caminho a única coisa que dava para escutar na escola eram os meus passos enquanto eu andava lentamente subi em uma mesa do refeitório dei um grito que ecoou por todo canto "O REI TÁ DE VOLTA PORRA!!!!" abri uma das mochilas e joguei camisinhas para a multidão gritaram igual condenados alguns até se ajoelharam as pessoas foram na minha casa ver a quantidade absurda de preservativos haviam tantos que eu passei horas, contando na frente deles fiquei conhecido na escola consegui até subornar um professor para ganhar notas melhores acho que ele ficou com medo da guerra que eu poderia provocar eu voltei a ser o primeiro no rank não só da minha escola mas de todas as outras também agora eu governava os 7 reinos as coisas ficaram absurdamente fáceis para mim após isso cheguei na mina que eu sempre quis pegar e falei diretamente "ae vadia, o que eu ganho se eu te der 100 camisinhas?" ela me respondeu uma hora depois no banheiro da escola na verdade nem respondeu por que a boca estava ocupada KKKKKKKK peguei tanta mina e ganhei o respeito de tanto mano era impossível alguém me ultrapassar mas eu ainda não tava satisfeito sabia que meu reinado ainda tava ameaçado e eu precisava me vingar cheguei no valentão da escola conhecido como carambola ele era repetente, negro, gordo e gay o segurança perfeito ofereci vinte camisinhas por dia em troca de proteção ele aceitou grudei o chapoca na hora da saída enchi ele de soco enquanto o carambola segurava firme quando eu cansei saquei uma caneta do bolso "lembra da caneta que tu me emprestou seu verme de esterco?" escrevi com toda a minha força na testa dele "EU SOU LADRÃO E VACILÃO" ele gritou de dor e chorou ia demorar um tempo até aquilo sair fui para casa e deitei em cima dos meus sacos de "ouro roxo" parei para pensar no quão sádico eu me tornei em troca de poder me bateu uma crise existencial bati uma p esquecer os problemas e fui dormir uns dias se passaram as coisas estavam indo de mal a pior o governo parou de fornecer camisinha na minha cidade devido ao assalto e os problemas começaram as farmácias fecharam as portas não aguentavam mais os roubos a preservativos os hospitais viviam lotados pq o índice de DST's aumentou em 106% várias brigas familiares a maioria das minas grávidas o império multiplicou não só as escolas usavam a camisinha como dinheiro agora a cidade inteira também mas tudo estava um caos eu criei uma anarquia e isso me preocupava por que eu tinha camisinha de sobra e várias pessoas sabiam disso liguei para o carambola ele veio correndo p minha casa dobrei o pagamento dele pedi para ele me proteger dia e noite ele pensou na proposta e recusou se levantou e me olhou puto pediu todas as camisinhas que eu tinha eu neguei obviamente ele me deu uma mãozada no queixo e eu caí de costas no chão ele montou em cima de mim meu cu não passava nem radiação chorei igual uma puta enquanto ele tapava a minha boca e dava risada eu era ateu, mas rezei mentalmente de tanto medo que eu estava DE REPENTE O CHAPOCA ENTRA IGUAL UM TOURO LOUCO derruba o gordão e dá vários pisão na garganta dele sem dó ele estende a mão para mim me levanto e começo a chorar mais dou um abraço naquele puto pergunto choramingando "pq tu me salvou mano? dps de tudo que eu fiz pra tu seu bosta" ele se emociona e começa a chorar olha nos meus olhos e diz "por que eu sou teu amigo" me senti uma garotinha assistindo a culpa é das estrelas então ele disse que tinha um plano "tem um monte de gente querendo roubar tuas coisas e isso te põe em risco... "lembra daquele porão seguro pra caralho que tem na casa do meu vô?" o lugar seria perfeito para proteger a minha fonte de poder o chapoca continuou a falar "vamos, temos que ser rápidos a rua tá um desastre da porra e eu peguei a kombi do meu véio" corri para o meu quarto junto com ele colocamos quase tds os sacos no carro na hora de levar o último o meu pai apareceu no meio do corredor ele tava completamente parado, olhando pra nós e então começou a falar "me dá uma camisinha.. camisinha" chapoca se espanta e diz "puta que pariu teu pai foi infectado também!" a falta de preservativos deixou as pessoas dependentes e loucas meu pai avança com a fúria de dez mendigos famintos que acabaram de tomar um biotônico começa uma luta de 2x1 dou um chute no coroa chapoca vem em seguida mandando um furacão da folha meu pai reage com um socão na minha costela foi tão forte que eu vi estrelas e o ricardo milos dançando chapoca toma uma suspenda caiu igual merda eu vou me levantando devagar igual um protagonista de anime monster_player_tauz.mp3 meu pai fica surpreso em me ver de pé eu encaro ele com um sorriso no rosto vou correndo e dou uma voadora igual a do subzero do mk2 SUPER EFFECTIVE o golpe foi tão forte que ele caiu da escada rolando ficou imóvel e com os olhos tortos provavelmente quebrou o pescoço mas foda-se só as camisinhas importavam no momento colocamos o último saco no carro e várias pessoas vieram em nossa direção correndo "me dá uma camisinha!" um deles era o meu vizinho de 7 anos até as crianças... fiquei em shok "entra no carro logo viado grávido!!" disse o meu mano eu entrei rápidao e ele pisou no acelerador durante o caminho vi pessoas brigando por pacotes de camisinha carros pegando fogo fumaça e destruição helicópteros sobrevoando a cidade aidéticos invadindo casas pessoas chorando e um filme passou na minha cabeça tudo isso começou por que eu pedi uma camisinha em troca de uma fucking caneta e eu deixo aqui o meu aviso nunca, troquem camisinha por algo em hipótese alguma meu compadecido prometi a mim mesmo que não deixaria mais essa merda me corromper de novo no meio do caminho o chapoca diz "ae seu bunda mole, obrigado pelas camisinhas kkkkkkkkkkk" ele me empurra para fora do carro em movimento e me deixa no meio do caos dei um grito puto pra caralho inacreditável.... retiro a minha promessa anterior agora eu prometo que terei a minha vingança
submitted by SirMoD to PuddingsUtopia [link] [comments]


2018.11.08 19:04 lrsaturnin9 (Assunto polêmico, não entre!) Cotas para Negros em Universidades

Caros, tenho uma questão filosófica pendente de definição em minha mente e já não tenho mais certezas, restaram apenas dúvidas.
Cotas para Negros em Universidades é justo?
Pra mim sempre me pareceu óbvio que SIM, visto a herança histórica da escravidão e a marginalização dos negros neste sentido. Contudo, uma pessoa negra que esteja em uma posição de classe média, ou maior, mereceria cota? Visto que a mesma "restabeleceu" o status médio social, o qual seus antepassados foram privados? Essa herança histórica tem uma data de expiração? Seria quando não mais tivéssemos diferenças sociais entre negros e não-negros? Ou, o estigma pela escravidão e perseguição nunca expiram ou deveriam expirar, pois nunca devemos nos esquecer?
Conceitualmente (sob minha ótica) - "Cotas de acesso facilitado, de qualquer espécie, representam um bônus ao cotista tendo em vista um revés que lhe foi infligido INJUSTIFICADAMENTE. A idéia é que Cotas e Meritocracia sejam inversamente proporcionais. Ou seja, na mesma medida em que a concorrência é INJUSTA, as cotas devem ser ampliadas." - Esse conceito, penso eu, é a TEORIA e todos concordam ou deveriam concordar com ela, a não ser que você seja um sociopata, imoral.
Na PRÁTICA, a questão de concorrência justa ou injusta é subjetiva. O argumento de quem é contra as cotas é de que "basta se esforçar que todo mundo alcança", "tenho um amigo que nasceu na favela, hoje é classe média e está empregado em uma multinacional", "meus pais eram pobres, mas com muito trabalho conseguimos vencer". O problema é que, cientificamente falando, basta um caso que fuja à regra para refutar toda a teoria. Ou seja, um único indivíduo que "venceu" o estigma social, refuta todos os outros que não venceram e agrava o quadro, pois "justifica" a redução da importância das cotas.
Minha opinião sobre o assunto é:
  1. O fato é que não temos como saber verdadeiramente se o horizonte de possibilidades oferece chances para todos na sociedade, a lógica e o bom-senso nos diz que NÃO. Não temos oportunidades iguais para todos na sociedade (por óbvio). A economia nos ensina que os recursos são escassos, portanto não tem TUDO para TODOS.
  2. Cota não é GENERALISTA, onde 1 caso que foge a regra, invalida todos os outros. Cota é INDIVIDUAL, enquanto houver 1 caso de injustiça, deve haver cota (para esse 1 caso). Ainda que essa avaliação individual e quantitativa seja impossível (atualmente).
Explorando a INJUSTIÇA infligida supracitada (sob minha ótica), só é prejuízo ao indivíduo se há o tolhimento à liberdade do mesmo em relação a média de liberdade da sociedade de maneira INJUSTIFICADA. Ou seja, se suas chances de concorrência são diminuídas por conta da sua cor, crença, opção política ou preferência sexual, você está sendo TOLHIDO INJUSTAMENTE. Se você NASCEU pobre, mora na periferia e não tem culpa disso, você está sendo TOLHIDO INJUSTAMENTE. Nesses exemplos, suas chances, em relação à média, são menores, mas seu MERECIMENTO é o mesmo que o de qualquer cidadão, portanto você merece cota em Universidades a fim de equilibrar a balança da meritocracia.
Neste sentido, a justiça na livre concorrência entre os indivíduos é diretamente proporcional à liberdade individual, sendo que a limitação de nossa liberdade acontece quando não podemos exercer nossas preferências. Relacionando esse entendimento às cotas em Universidades, nossa liberdade só pode ser limitada se não temos o FINANCIAMENTO SUFICIENTE para aquisição de TEMPO DE ESTUDO e QUALIDADE DE ENSINO, ou seja, ainda que você seja branco, cristão e hetero, mas tem 12 anos de idade, mora na favela, tem que vender bala no farol para ajudar com as despesas familiares, tem 4 irmãos, seu pai desapareceu, sua mãe é alcoólatra e vive no buteco, quais as suas chances de vida? A culpa é sua? Você tem liberdade? Você tem ensino de qualidade?
Inversamente, se você fosse negro, gay, frequentador de terreiro de umbanda, porém de familia feliz e saudável com toda a possibilidade de financiamento para aquisição de ensino, evidentemente sua liberdade não estaria tolhida em comparação à média de liberdade da sociedade em relação a possibilidade de ingresso em universidades.
Sem nenhuma pretensão e tendo em vista o exposto, principalmente a questão da INDIVIDUALIDADE para avaliação da cota e o TOLHIMENTO à liberdade por falta de FINANCIAMENTO, pergunto de forma simples e direta: Não seria mais justo uma única avaliação de cotas a partir da renda familiar?
Gostaria de ouvir a opnião de vocês sobre o tema.

EDIT: erro de digitação
submitted by lrsaturnin9 to brasil [link] [comments]


2018.10.24 02:52 MoonGosling Na paz e sem downvotes: Vou votar em Haddad, mude meu voto

Queria fazer aqui algo parecido com o que rola no changemyview, que eu acho fantástico. Acredito que todos nós acabamos ficando presos em bolhas, e por isso venho há um tempo seguindo o brasilivre apesar de discordar da grande maioria dos posts e comentários que vejo aqui, e ser constantemente downvotado quando participo das conversas. Nesse espírito, queria propor um CMV de tempos de eleição e de véspera do segundo turno, com civilidade e debate, que é o que eu espero dos cidadãos do Reddit. Parece legal? Então deixa eu falar um pouco sobre o porque de eu votar em Haddad:
Começo dando o disclaimer que considero muito importante nesse período: Eu não sou petista e não queria esse segundo turno com Haddad. Quando faço aquele teste que lhe coloca nos eixos políticos sempre acabo ligeiramente a esquerda (muito mais próximo ao centro) e fortemente no lado liberal. Eu não tenho sentimentos negativos muito fortes em relação ao PT, mas eu acredito que a política precisa de mudança, e novas coisas precisam ser testadas de tempos em tempos para que possamos avançar em diferentes frontes. Também reconheço o sentimento de antipetismo, independente de ser ou não justo ou merecido, é um impedimento de um governo do PT, e tendo Haddad na presidência o povo provavelmente só se polarizará mais, o que é negativo para a democracia.

Mas, apesar de querer uma mudança no governo, e de não ter votado em Haddad no primeiro turno, agora eu voto nele. Primeiramente porque eu considero Bolsonaro uma ameaça à democracia, devido aos seus discursos que vem de longa data, desde quando ele disse que daria um golpe no primeiro dia, e que através do voto não se mudaria nada nesse país, até quando mais recentemente ele disse que poria um ponto final a toda forma de ativismo. Tem também o mais recente evento de seu filho dizendo que brincam que caso houvesse tentativa de impugnação da candidatura do pai, basta um soldado e um cabo para fechar o STF, e sua proposta de aumentar o número de ministros do supremo, que é uma medida tomada por autocratas, inclusive na nossa própria ditadura militar. A essas preocupações de interpretação se somam as preocupações de Steven Levitsky, cientista político de Harvard que estuda as democracias latino-americanas, e Monica de Bolle, diretora de estudos latino-americanos na universidade de Johns Hopkins, que dizem que Bolsonaro é o único dos candidatos que tivemos nessa corrida eleitoral com claras tendências autocráticas, e que o viés militarístico de Bolsonaro é o que mais se assemelha a, e nos leva na direção de, um governo chavista.
Mas e a anti-democracia petista?
De todas as críticas que o PT pode receber, ser antidemocrático não é uma delas. Foram 13 anos de governo petista sem que a democracia fosse violada. Muito pelo contrário, depois de um sindicalista e uma guerrilheira nós tivemos apenas movimentos que nos levaram para mais perto da democracia, com fortalecimento de órgãos como o MPF. Agora que seria eleito um economista (cientista político e filósofo) e professor que apresentou críticas aos raciocínios marxistas, e que já havia se posicionado, antes de ter a corrida presidencial em mente, dizendo que a Venezuela não pode ser considerada uma democracia. Se o PT tivesse, de fato, um viés antidemocrático seria impensável que ocorresse o que ocorreu durante sua gestão: o impeachment de Dilma e a prisão do ex-presidente Lula, principal figura do partido. Seria impensável mesmo sair as ruas com boneco inflável de Lula em roupas de prisioneiro, ou até ler livros com ideologias contrárias a petista, como acontecia durante a ditadura militar. O fato que tanto Dilma, quanto Lula, quanto o PT aceitaram, com suas devidas reclamações, os destinos democráticos que lhes foram dados é prova de que eles são, sim, democratas. A narrativa do golpe, por mais que eu acredite ser exagerada (como diz Steven Levitsky, eu acredito que o que houve não foi um golpe, mas sim um abuso constitucional), é uma narrativa que não passa disso: exagerada. Mas é válida, e, portanto, é justa e democrática. Antidemocrático teria sido se a força precisasse ter sido utilizada para efetuar a prisão do ex-presidente, ou se Dilma tivesse tentado alguma forma de contra-golpe para se manter no poder. Nenhum dos dois aconteceu, Haddad sequer promete dar induto a Lula, dizendo que acredita na inocência dele, e que isso será provado nas cortes.
Além de antidemocrático, Bolsonaro é uma afronta a tudo que eu acredito enquanto ser humano, sem sequer olhar para política. Ele tem diversos discursos incitando o ódio, como o mais recente e fan-favorite "vamos fuzilar a petralhada". Ele disse que a filha mulher foi uma fraquejada, que quando o filho começa a ficar "gayzinho" leva um "coro" e muda o comportamento, que não estuprava uma colega porque ela "não merece" (depois justificou dizendo que queria apenas chama-la de feia). Ele disse que "de homossexual [...] ninguém gosta, a gente suporta", que é homofóbico com orgulho, e que não ia "combater", mas que se visse dois homens na rua se beijando ia bater. A homofobia é um ponto tão forte nele que ele participou de dois documentários sobre o assunto, o de Stephen Fry, e o de Ellen Page.

Mas ele está apenas defendendo as criancinhas da ditadura gayzista do Kit Gay
Essa ditadura não existe. O "kit gay" também não. De fato, se a ditadura gayzista existisse eu seria um dos primeiros a saber, tendo vários amigos gays que nunca fizeram qualquer menção a querer que as outras pessoas fossem gays (exceto, talvez, quando eles olham para alguém que acham atraente. Tipo quando eu ou você olhamos para uma pessoa do outro sexo e achamos atraente e pensamos "nossa, como eu queria que essa pessoa fosse atraída por mim também"). Eu, sinceramente, não consigo entender a afirmação de que restaurante não é lugar para dois homens se beijarem, porque tem criança vendo. Qual a diferença entre ver dois homens se beijando e ver um homem e uma mulher se beijando? Sou da opinião do viva e deixe viver, e de gostar das pessoas por pressuposto, e desgostar caso aconteça algo que justifique isso (o motivo pelo qual acho tão intragável a afirmação de que "ninguém gosta de homossexual")

Esses discursos de ódio e inflamatórios já estão mostrando seus efeitos, com a grande quantidade de crimes de ódio perpetuados por apoiadores de Bolsonaro. Mas mesmo que não tivesse efeitos tão diretos, o ódio e o preconceito é uma das poucas coisas que eu acredito que não deve ser representada, para não legitimizar aqueles que compartilham desse ódio.

Quanto a corrupção, acredito que é um ponto de extrema importância, e tenho minhas ressalvas em relação a Haddad devido as diversos processos lançados contra ele. Não conheço bem as provas, porém, e sei que ele não foi condenado em nenhum desses processos, tendo sido inocentado já em dois (aqui um deles). Mas mesmo que Haddad seja corrupto (e dizer uma frase dessas me dói, "mesmo que ele seja corrupto"), Bolsonaro é, no mínimo, tão corrupto quanto. Ele se apresenta como o cara que vai limpar o Brasil da corrupção (uma estratégia de campanha que vem aí desde a república velha), mas passou sua vida toda de político no PP, o partido com mais envolvidos na Lava Jato (são 31 do PP contra 6 do PT). Ele também admitiu ter recebido propina e "rejeitado", devolvendo ao partido que depois deu o mesmo valor à ele, e depois justificou o fato de saber que o partido havia recebido propina dizendo que todo partido recebe. Esse último ponto é importante, porque eu sou incapaz de acreditar que uma pessoa que se justificou dizendo que "mas todo mundo tá fazendo" seja capaz de resolver a coisa que estão todos fazendo. Mais pra perto da eleição ele decidiu mudar de partido, escolhendo o PSL, que é um de apenas dois partidos brasileiros com nota 0 em transparência. Isso também torna muito difícil para mim acreditar que ele levará uma gestão transparente. Isso sem mencionar outros casos recentes, como a funcionária fantasma, a omissão de R$2.6mi em bens.

Além disso tudo, as pautas de Bolsonaro são extremamente fracas. Eu fui ler o plano de governo dele e além de mal-formatado (o que já gerou piadas o suficiente) ele passa muito mais tempo apontando falhas e dedos do que fazendo propostas de solução. Acho que em qualquer dado tópico tem uma razão de 3:1 de texto de reclamação e crítica para texto de solução. Isso se traduz em propostas que não são explicadas (como sua proposta de reduzir ministérios, sem dizer quais). Em outros pontos que ele vai mais a fundo (e mesmo o mais a fundo é bem pouco a fundo), eu sou totalmente contrário, como armar a população. Apesar de ver, entender, e valorizar o discurso das liberdades individuais, eu acho que o armamento da população é uma medida perigosa, e que quase toda literatura científica mostra como não sendo uma solução à segurança como ele propõe. Além disso, ele vai contra outras liberdades pessoais que eu acredito que tem precedência maior por serem, realmente, "mais pessoais", como a descriminalização e legalização das drogas, que era um dos pontos do plano de governo de Haddad, e que tem diversos resultados positivos, como em Portugal, que viu um aumento no número de pessoas se tratando por dependência, e a legalização no Colorado permitiu que os impostos sobre a maconha fossem usados para "o bem".

Bolsonaro propõe algo que, em minha opinião, é um ataque a educação no nosso país. O discurso de que há uma doutrinação na educação hoje é, em minha opinião de aluno de um colégio federal que teve muitos professores grevistas e fortemente de esquerda, ridícula. Inclusive, se esse fosse o caso ele não estaria ganhando entre o público mais educado que, justamente, teria passado por essa doutrinação marxista/esquerdista. Mais uma vez dando exemplo da minha escola, eu vi professores essas eleições ocupando quase todo o espectro político, de professor que votou em Boulos, até professor que votou em Amoedo. Eu acredito que o que há na educação não é uma doutrinação, e sim a simples extinção de algumas formas de pensar, que morrem quando estamos em um ambiente de intelectualidade e de compartilhamento de opiniões em que todos são iguais. Por exemplo: Acho muito improvável que você encontre um intercambista que seja xenofóbico, e, de fato, o intercâmbio é usado por algumas organizações pelo mundo justamente para combater esse tipo de pensamento. Isso não acontece porque o intercâmbio é, por natureza, doutrinador, mas sim porque quando você vive a experiência de outra pessoa em outro país, de outra cultura, quando você se torna minoria, aí você começa a ver de maneira diferente as outras culturas, e as minorias em seu próprio país. Eu acho que o mesmo pode ser dito de algumas ideologias, como o conservadorismo, em relação a educação.

Por fim, e de maneira geral em relação ao ponto de propostas, eu acredito que votar no Bolsonaro é assinar um grande cheque em branco, o que pode ser OK se você de fato olha para Bolsonaro e se sente completamente representado por ele, mas acho que não é uma opção interessante para o país como um todo.

Outros pontos comuns de debate:
Haddad foi o pior prefeito da história de São Paulo
E ainda assim ganhou prêmio da Bloomberg Philanthropies, e também da ONU, e foi considerado "visionário" pelo Wall Street Journal. Com ele S.P. teve uma série de avanços, inclusive a recuperação de mais de R$270mi desviados.

Haddad está sendo poste de Lula
De fato, também não gosto disso, mas pelos motivos que coloquei acima, ainda prefiro votar em um poste do que no Bolsonaro
Bom, gostaria agora de me colocar aberto ao debate. Acho que seria realmente interessante se vocês puderem desafiar os pontos que coloquei aqui, e trazer coisas que eu talvez esteja perdendo. Abraço.
submitted by MoonGosling to brasilivre [link] [comments]


2017.09.19 21:10 subreddit_stats Subreddit Stats: portugal top posts from 2011-10-22 to 2017-09-19 07:48 PDT

Period: 2158.87 days
Submissions Comments
Total 1000 54010
Rate (per day) 0.46 25.01
Unique Redditors 530 5294
Combined Score 186046 309705

Top Submitters' Top Submissions

  1. 12048 points, 62 submissions: Vasco_da_Gamba
    1. Obrigado Bo, por 8 anos de espionagem ao serviço do Estado Português (604 points, 42 comments)
    2. Não há impossíveis na vida.Nunca desistas. (543 points, 47 comments)
    3. Cavaco a masturbar-se (478 points, 20 comments)
    4. É desde tenra idade que o Português aprende a desenrascar-se (437 points, 31 comments)
    5. [NSFW] Dizem que a Sara Sampaio tem o peito pequeno. Esta imagem diz o contrário. (363 points, 67 comments)
    6. Não há nada mais português do que o Desenrascanço (341 points, 60 comments)
    7. Harrison Ford a festejar a vitoria em Portugal (316 points, 16 comments)
    8. [OC] Rei Ghob, um homem à frente do seu tempo. (306 points, 48 comments)
    9. Fatima's Alive 2017 (by:Vasco Correia) (301 points, 36 comments)
    10. AccidentalRenaissance (282 points, 13 comments)
  2. 8788 points, 1 submission: ruisao
    1. Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage! (8788 points, 551 comments)
  3. 8419 points, 39 submissions: ForeverJamon
    1. Também queria partilhar um meme (1100 points, 53 comments)
    2. Coisa mai linda (526 points, 26 comments)
    3. [Receita] Happy 4/20! (462 points, 119 comments)
    4. Tinder em Portugal (x-post from /tinder) (421 points, 280 comments)
    5. Finalmente, aqui está a receita dos lanches. (388 points, 88 comments)
    6. Caros amigos, aqui está o video do AMA. Espero que gostem. Aquele abraço! (311 points, 137 comments)
    7. [Lifehack] Quando vais às compras e não tens moedas para o carrinho (292 points, 67 comments)
    8. [Receita] F-R-A-N-C-E-S-I-N-H-A (265 points, 155 comments)
    9. Quando é dia dos namorados e tu és um cavalheiro (204 points, 33 comments)
    10. [Receita] Amigos, aqui está o molho da francesinha. Aquele abraço! (194 points, 93 comments)
  4. 3363 points, 16 submissions: HelloMyNameIsLola
    1. To all our european "friends" salty right now... Give us your salt, we will use it for our bacalhau! (394 points, 44 comments)
    2. Alfa Perpendicular (383 points, 45 comments)
    3. IT (301 points, 16 comments)
    4. Telma, medalha de bronze (212 points, 33 comments)
    5. Seja responsável. Se beber, não escreva tweets. (206 points, 18 comments)
    6. Mensagem do nosso Lord (204 points, 38 comments)
    7. PORTUGAL! PORTUGAL! PORTUGAL! (x-post /mildlyinteresting) (199 points, 14 comments)
    8. Hoje em Queensland, Austrália... (198 points, 21 comments)
    9. Prova irrefutável que o Pedro Dias não matou ninguém... (181 points, 14 comments)
    10. Oremos irmãos... (174 points, 9 comments)
  5. 3346 points, 13 submissions: ohhputosopaa
    1. TOP (1472 points, 85 comments)
    2. Alguém que entregue a taça ao Pedro! (238 points, 11 comments)
    3. Quando o Nazigramatical está com a moca (216 points, 19 comments)
    4. Custava assim tanto? (178 points, 63 comments)
    5. Movimento anti-Eutanásia vão todos para o caralho (157 points, 144 comments)
    6. Comentem (153 points, 50 comments)
    7. Mas primeiro tenho que ir a decathlon. (144 points, 17 comments)
    8. Manuel Luís Goucha a dar uma de thug life (141 points, 19 comments)
    9. É Pegar ou largar! (141 points, 18 comments)
    10. Fátima Hooligans (138 points, 18 comments)
  6. 2043 points, 12 submissions: pica_foices
    1. Cristiano Ronaldo atira microfone da CMtv para um lago (342 points, 216 comments)
    2. Ricardo Quaresma a mostrar ao árbitro a habilidade que tem a manusear facas borboleta (271 points, 58 comments)
    3. "Chuta daí caralho !!" - o vídeo com o comentário e perspectiva que faltava (209 points, 47 comments)
    4. Yupido - a empresa portuguesa que registou em 2016 com capital social de 29 mil milhões de euros. (171 points, 174 comments)
    5. Ministério Público acusa Tony Carreira de plagiar 11 músicas (163 points, 132 comments)
    6. Todo o arquivo histórico da RTP está disponível na internet para toda a gente (152 points, 47 comments)
    7. Vídeo do interior de um carro de bombeiros no meio do incêndio de Gavião (135 points, 52 comments)
    8. Hoje houve festa no treino do Sporting (127 points, 15 comments)
    9. Eurosport garante direitos da Formula 1 em Portugal até 2018 (125 points, 115 comments)
    10. Benni McCarthy festeja de novo golo de Portugal na TV (123 points, 5 comments)
  7. 1908 points, 8 submissions: fijozico
    1. GANHÁMOS A EUROVISÃO CARALHO! (683 points, 133 comments)
    2. Portugal desenhado no estilo do Steven Universe [x-post /StevenUniverse] (224 points, 20 comments)
    3. Comecei a trabalhar no Continente este mês. Ninguém me preparou para isto (206 points, 97 comments)
    4. Quando o Técnico te dá cabe dos miolos (201 points, 36 comments)
    5. Coreia do Norte disse estar pronta para tudo, Portugal enviou 1200 finalistas, Coreia já recuou e pede desculpa por qualquer coisinha (194 points, 21 comments)
    6. A nossa bandeira à lá Arábia Saudita (185 points, 17 comments)
    7. À luz do #BREXIT... (108 points, 20 comments)
    8. Os polícias ODEIAM-NO! (107 points, 19 comments)
  8. 1789 points, 11 submissions: NorskSud
    1. Feliz 2017 a todos! (438 points, 8 comments)
    2. Revista da Easyjet diz que Portugal é o único país tri-continental do mundo (197 points, 52 comments)
    3. Entrada sobre Portugal no atlas satírico "Our dumb world" publicado pelo The Onion (155 points, 36 comments)
    4. David Cameron mistaken for James Cameron by Portuguese TV channel (152 points, 34 comments)
    5. Congress wants Portuguese as second language in Goa schools (134 points, 112 comments)
    6. Cada vez mais provável o regresso do urso-pardo a Portugal, população em Espanha em forte crescimento (131 points, 101 comments)
    7. Horta Solidária cuidada por reclusos dá 12 toneladas de hortícolas ao Banco Alimentar (124 points, 15 comments)
    8. VIDEO: Portuguese journalist's ridiculously elaborate entrance to news broadcast (124 points, 20 comments)
    9. Voluntários retiram 300 quilos de lixo do rio Paiva (115 points, 4 comments)
    10. UK flight delayed when Portuguese crew member 'turns up drunk after celebrating Euro 2016 win' (114 points, 20 comments)
  9. 1738 points, 11 submissions: fanboy_killer
    1. Bombeiros portugueses exaustos (x-post europe) (272 points, 44 comments)
    2. Os húngaros andam trocados (210 points, 72 comments)
    3. Malato, sobrevivente dos atentados de Paris (188 points, 87 comments)
    4. A FNAC fez uma auto-avaliação (182 points, 42 comments)
    5. Só estilo (165 points, 35 comments)
    6. Bacalhau (128 points, 13 comments)
    7. Já viram o creep na nova campanha da Cetelem? (127 points, 58 comments)
    8. Nenhuma outra marca domina o social media como a Netflix Portugal (121 points, 13 comments)
    9. Faz hoje 17 anos que Portugal recuperou de uma desvantagem de 2-0 num jogo épico contra Inglaterra (118 points, 56 comments)
    10. Selecção portuguesa de futebol nos anos 90 (116 points, 18 comments)
  10. 1643 points, 8 submissions: ElDiabloDe94
    1. Sejam bem-vindos! (349 points, 20 comments)
    2. Bom dia! (250 points, 16 comments)
    3. Levar a Maria às compras (245 points, 15 comments)
    4. Há 100 dias atrás... (228 points, 54 comments)
    5. Faz hoje um mês (197 points, 17 comments)
    6. Cristiano Ronaldo conquista a quarta Bola de Ouro - CRL! (146 points, 45 comments)
    7. Jessica Augusto vence maratona de Hamburgo (121 points, 13 comments)
    8. Bom fim de semana (107 points, 11 comments)
  11. 1549 points, 9 submissions: utilizador
    1. Entretanto, algures no Largo do Rato à porta da sede do PS. (480 points, 55 comments)
    2. humor na FNAC (203 points, 11 comments)
    3. RAFA é o novo NEO... o escolhido! (158 points, 55 comments)
    4. Quem é que da sua família não trabalha para o Estado? (148 points, 64 comments)
    5. Todo contentinho... (116 points, 15 comments)
    6. - Ouve esta, ó Mário, tu ouve-me só esta. (115 points, 16 comments)
    7. Onde há fumo... (111 points, 16 comments)
    8. Quem nunca andou à machadada com amigos... (110 points, 40 comments)
    9. Tiago? Vipur? WTF? Um tipo está umas horas fora do Reddit... alguém faça um TL;DR, please! (108 points, 50 comments)
  12. 1441 points, 10 submissions: sup3rfm
    1. A "alegria" de Danilo - PORTUGAL NO EURO2016 (206 points, 31 comments)
    2. Ministério da Saúde quer “responsabilizar” pais que não vacinem filhos (191 points, 102 comments)
    3. Portuguese unemployment below eurozone's for first time since 2010 (164 points, 40 comments)
    4. Carrossel numa feira em Cascais. Não, não é a Feira do Berbigão (154 points, 30 comments)
    5. Acima da lei, só a EMEL. (136 points, 46 comments)
    6. Vai tudo para casa. Voltem amanhã. (129 points, 29 comments)
    7. 1º Ministro de Portugal em 2019 (122 points, 79 comments)
    8. Polish gay couple wins right to marry in Portugal thanks to their haters (118 points, 62 comments)
    9. Retalho - Expansão da Amazon em Espanha abre porta à entrada em Portugal (116 points, 102 comments)
    10. EXCLUSIVO TVI: Napachacha Sellevava, directora do clube Rubin Kazam, confirma compra de Alan Ruiz do SCP. (105 points, 32 comments)
  13. 1439 points, 6 submissions: odajoana
    1. Receita portuguesa vegetariana (466 points, 126 comments)
    2. Criei um cartão de Bingo para o /portugal. Divirtam-se! (284 points, 106 comments)
    3. Marcelo. #foreveralone (273 points, 39 comments)
    4. O Facebook do StandVirtual deseja um Feliz Dia da Mulher. :') (180 points, 126 comments)
    5. Há 40 dias que o Metro de Lisboa não faz uma greve. Regozijemo-nos. (123 points, 31 comments)
    6. Criei uma playlist no Tubo em jeito de balanço do que se fez musicalmente em Portugal em 2015. Estou a esquecer-me de alguém? (113 points, 75 comments)
  14. 1339 points, 6 submissions: mruiandre
    1. O golo do Éder ao som do Salvador Sobral é a melhor cena (387 points, 17 comments)
    2. Não deixem este vídeo morrer (289 points, 45 comments)
    3. O Marcelo está em todo o lado, até no Facebook dos The Doors (257 points, 29 comments)
    4. Pondo as coisas em perspectiva: existem 612 episódios dos Simpsons e existem 3000 episódios do Preço Certo (179 points, 62 comments)
    5. Vai ser proibido fumar à porta de escolas, hospitais e parques infantis (115 points, 117 comments)
    6. CM (112 points, 8 comments)
  15. 1215 points, 8 submissions: Pieropt
    1. Co Co Co Co Co Co Co Co (251 points, 31 comments)
    2. É bom saber que o verdadeiro Éder está de volta (203 points, 35 comments)
    3. É de aproveitar, esta promoção do El Corte Inglês (142 points, 9 comments)
    4. Enquanto vias os Rolling Stones, em Algés acontecia o encontro mais nonsense de sempre (134 points, 39 comments)
    5. Esclarecidíssimo (133 points, 14 comments)
    6. Entretanto esta madrugada no Aeroporto de Lisboa... (122 points, 29 comments)
    7. "Mãe, porque é que o senhor tem o rabo para a frente?" (116 points, 30 comments)
    8. Quando é que os jornais vão perceber que bloquear não é opção? (114 points, 124 comments)
  16. 1184 points, 4 submissions: MCbadboy
    1. Como sair de repente para kagar (499 points, 29 comments)
    2. Este é o caminho (371 points, 9 comments)
    3. Portugal na final do Campeonato do Mundo de hóquei em patins ao derrotar a Argentina (campeão em título) por 5-0! (174 points, 19 comments)
    4. Cais do Sodré, 10 da manhã, meia hora depois do ultimo metro (140 points, 96 comments)
  17. 1152 points, 8 submissions: godsdog23
    1. Queridos Vizinhos! (206 points, 12 comments)
    2. Nagasaki, a Portuguesa. (196 points, 48 comments)
    3. Um homem e o seu peluche, um romance que perdura não obstante os olhares esquisitos de transeuntes e familiares (154 points, 23 comments)
    4. Hoje numa cidade perdida do Japao! (148 points, 43 comments)
    5. Hat-trick (119 points, 38 comments)
    6. Acho que nós Portugueses nao somos tao bons a Inglês como pensamos... (118 points, 60 comments)
    7. AMA - Estou a trabalhar no Japão! (106 points, 124 comments)
    8. The first day of school, Portugal, 1936 (x-post historyporn) (105 points, 32 comments)
  18. 1079 points, 7 submissions: quatrotires
    1. [SIC 2017] Entrada épica do Primeiro Jornal em Aveiro (247 points, 58 comments)
    2. Manchester United in Lisbon, 1966 (187 points, 9 comments)
    3. Numa década, Portugal passou de importador de azeite a 4.º exportador mundial (155 points, 36 comments)
    4. "O modo mais eficaz de seres útil à tua pátria é educares o teu filho" - Ramalho Ortigão (134 points, 46 comments)
    5. "Tivesse o holandês dito "não posso gastar tudo em aeroportos, estádios de futebol, auto-estradas e fraudes bancárias para depois pedir emprestado" e lá teríamos de engolir em seco e aceitar a crítica." (126 points, 65 comments)
    6. Príncipe Aga Khan doa 500 mil euros para ajudar vítimas do incêndio de Pedrógão (122 points, 20 comments)
    7. Chamem a Segurança Social já! (108 points, 39 comments)
  19. 1069 points, 7 submissions: gonpires
    1. Para a próxima... (237 points, 180 comments)
    2. Finalmente encontrei uma cantina decente (191 points, 48 comments)
    3. Ovibeja revela nova entrada do recinto (152 points, 13 comments)
    4. Manhãs informativas da SIC (148 points, 138 comments)
    5. O número de reclamações vai subir na MEO (116 points, 60 comments)
    6. Google Tradutor é um pouco agressivo (114 points, 37 comments)
    7. Covilhã no evilbuildings (111 points, 20 comments)
  20. 1068 points, 2 submissions: MaxwellIllustration
    1. Porto! My new drawing based of the most beautiful city. (537 points, 35 comments)
    2. Porto. My finished ink drawing of such a wonderful place! (531 points, 35 comments)
  21. 1014 points, 7 submissions: unknown_believer
    1. Judite Sousa (TVI) tenta entrevistar um cadáver... (197 points, 117 comments)
    2. Quando acordas em 2016 e tens a direita pedir subsídios" (163 points, 74 comments)
    3. Desiludido, Tony Carreira deixa música, dedica-se apenas à poesia e anuncia poema inédito que começa por “As armas e os barões assinalados” (158 points, 17 comments)
    4. Bela resposta à CMTV: "Se não me der tempo [para explicar] continua você a falar e não me coloca a questão a mim, como é que é?" (147 points, 26 comments)
    5. Público de tourada cai para metade em sete anos (127 points, 212 comments)
    6. Franceses queriam repetir o jogo e Portugal fez-lhes a vontade: (113 points, 25 comments)
    7. "The Voice" bate "Casa dos Segredos" pela segunda semana consecutiva (109 points, 98 comments)
  22. 1003 points, 3 submissions: bockyPT
    1. [OC] Fui ao Pico e tirei uma foto (602 points, 52 comments)
    2. [OC] Fui à Serra da Arrábida e tirei uma foto (280 points, 35 comments)
    3. Bike sharing em Lisboa - primeira experiência (121 points, 58 comments)
  23. 958 points, 5 submissions: fachebu
    1. Primeira página do Inimigo Público (244 points, 85 comments)
    2. Bom marketing da Super Bock (240 points, 30 comments)
    3. 19 mortos confirmados em fogo de Pedrogão Grande (170 points, 189 comments)
    4. Hoje encontrei a palheta que eu fiz quando comecei a aprender guitarra. Tinha 13 anos. (163 points, 45 comments)
    5. Race The Subway - Lisbon (141 points, 53 comments)
  24. 956 points, 6 submissions: Calvin_Uncle
    1. Definição de tratamento VIP do Odisseias. (217 points, 16 comments)
    2. PORTUGAL, CRLHO!!! (187 points, 35 comments)
    3. O meu primeiro animal de estimação. As expectativas estavam bem lá em cima! (147 points, 92 comments)
    4. A classe dos comentários dos tugas nos meios de comunicação social. Divirtam-se! (Retirados apenas no dia de ontem.). (138 points, 135 comments)
    5. [Euro 2016] "Paaaaaaaaaaaaaaaai!!!" (138 points, 6 comments)
    6. O regresso de um herói do passado. (129 points, 15 comments)
  25. 918 points, 4 submissions: LordJomi
    1. Em Faro (406 points, 40 comments)
    2. Ricardinho, Portugal [Futsal] (193 points, 21 comments)
    3. O nascimento de um novo meme (181 points, 45 comments)
    4. Vista nocturna do Rossio, Praça Dom Pedro IV, na Baixa de Lisboa (Data: 1930-1980) (138 points, 35 comments)

Top Commenters

  1. QuintoImperio (7412 points, 436 comments)
  2. 1Warrior4All (4606 points, 414 comments)
  3. ForeverJamon (4351 points, 560 comments)
  4. Vasco_da_Gamba (3909 points, 249 comments)
  5. sup3rfm (3055 points, 281 comments)
  6. meaninglessvoid (2458 points, 516 comments)
  7. _aralho (2018 points, 210 comments)
  8. raviolli_ninja (1986 points, 188 comments)
  9. nazigramatical (1856 points, 593 comments)
  10. Sperrel (1852 points, 354 comments)
  11. informate (1699 points, 438 comments)
  12. BugaTuga (1681 points, 311 comments)
  13. ElDiabloDe94 (1672 points, 230 comments)
  14. fanboy_killer (1635 points, 150 comments)
  15. KokishinNeko (1604 points, 201 comments)
  16. zedisto (1527 points, 169 comments)
  17. BroaxXx (1495 points, 302 comments)
  18. EarlPious (1360 points, 190 comments)
  19. random-guy410 (1330 points, 240 comments)
  20. odajoana (1300 points, 190 comments)
  21. ManaSyn (1264 points, 235 comments)
  22. pilas2000 (1246 points, 229 comments)
  23. Trollitito (1210 points, 274 comments)
  24. uyth (1201 points, 213 comments)
  25. egzaaa (1201 points, 115 comments)

Top Submissions

  1. Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage! by ruisao (8788 points, 551 comments)
  2. TOP by ohhputosopaa (1472 points, 85 comments)
  3. Também queria partilhar um meme by ForeverJamon (1100 points, 53 comments)
  4. Vipur. Se derem upvote neste post, vai aparecer no google imagens quando se procurar Vipur, filtro de água e Viana do Castelo. by nao_me_processem_pls (904 points, 41 comments)
  5. Sou artista/ilustrador e venho mostrar o meu trabalho :) by John-florencio (858 points, 169 comments)
  6. Need help finding a Portuguese song... by BustedBreaks (769 points, 107 comments)
  7. GANHÁMOS A EUROVISÃO CARALHO! by fijozico (683 points, 133 comments)
  8. Fotografias de um Portugal antigo by Sr_Noodles (626 points, 77 comments)
  9. Obrigado Bo, por 8 anos de espionagem ao serviço do Estado Português by Vasco_da_Gamba (604 points, 42 comments)
  10. [OC] Fui ao Pico e tirei uma foto by bockyPT (602 points, 52 comments)

Top Comments

  1. 666 points: Greatmambojambo's comment in Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage!
  2. 505 points: Saboni's comment in Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage!
  3. 488 points: MagnusCallicles's comment in Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage!
  4. 358 points: Pedropz's comment in Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage!
  5. 331 points: theoxandmoon's comment in Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage!
  6. 312 points: portugapt's comment in Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage!
  7. 280 points: QuintoImperio's comment in O Youtube em Portugal não é mais que isto?
  8. 253 points: vitorfdm's comment in Somos Campeões, vamos meter a nossa bandeira na frontpage!
  9. 252 points: macafeu88's comment in Tens 100 mil euros? Parabéns, és milionário!
  10. 251 points: ruiamgoncalves's comment in Pokemon GO saiu em Portugal oficialmente!
Generated with BBoe's Subreddit Stats (Donate)
submitted by subreddit_stats to subreddit_stats [link] [comments]


2017.06.27 22:03 spooky_matt Perspectivas: a situação dos homossexuais ao redor do mundo

Há exatamente dois anos, o dia 26 de junho de 2015 foi marcado por mais um avanço dos direitos civis dos homossexuais dos Estados Unidos: o casamento entre pessoas do mesmo sexo fora legalizado em todo o país. A data coincidiu propositalmente com o aniversário de sessenta anos da emissão da Carta Universal dos Direitos Humanos, um importante aparato que ajudou a consolidar esse tema na agenda internacional.
Rapidamente, os meios de comunicação e as redes sociais foram tomados pela onda colorida de celebração. A onda de comemoração contagiou o mundo todo e não apenas a comunidade LGBT. A adesão foi generalizada: anônimos e celebridades. Quem não se lembra do dia em que o Facebook se tornou um arco-íris midiático?
No entanto, apesar do fervor que tomou conta da internet naquela semana, havia um pequeno grupo de ativistas que já levantavam a antítese, a inquietação: isso foi uma simples vitória de um país de "primeiro mundo". Há muito a ser feito. 72 países ainda criminalizam relações homossexuais. Desse nefasto grupo de países, nada menos que 13 preveem pena de morte para suspeitos de manter relações sexuais com pessoas do mesmo sexo.
Colocar as coisas em perspectiva é uma maneira interessante de analisar os fenômenos que nos cercam. No caso do movimento LGBT, estabelecer perspectivas é muito pertinente, tendo em vista ser um grupo tão heterogêneo. Na própria sigla é possível ver muita desigualdade dentro da diversidade: o L e o G são relativamente mais privilegiados; o B é frequentemente invisibilizado dentro da própria comunidade; e o T é indiscutivelmente o mais vulnerável.
Portanto, nesse mês tradicionalmente voltado ao orgulho LGBT, proponho a seguinte perspectiva: refletir sobre a situação dos gays na Chechênia em comparação com a situação dos gays no Brasil. A Chechênia é uma república autônoma da Rússia. Uma região predominantemente muçulmana presidida por um líder altamente conservador e homofóbico, Ramzan Kadyrov.
Para os gays chechenos, a homofobia nunca foi novidade. Os "homicídios de honra" ocorrem com uma tenebrosa frequência dentro de núcleos familiares. São crimes motivados pela moral, para evitar que os homossexuais "sujem" a honra da família. A novidade é que um jornal independente russo, o Novaya Gazeta, importante oposicionista ao governo russo, publicou uma reportagem que expôs ao mundo inteiro o aparato estatal que se desenvolveu para suprimir os gays da Chechênia. A reportagem estima que 100 homens foram emboscados e levados para uma espécie de campo de concentração. Além disso, afirma que houve, no mínimo, três execuções.
A notícia chocou a todos e levou ativistas do mundo todo a protestarem contra a homofobia de Estado perpetrada pelo governo checheno. As autoridades, por sua vez, abusando do cinismo, negaram as informações divulgadas na reportagem, afirmando que "não é possível prender ou repreender pessoas que simplesmente não existem na república". E acrescentaram: "E mesmo que essas pessoas existissem na Chechênia, a polícia não precisaria se preocupar com elas, já que seus próprios familiares cuidariam de enviá-los aonde nunca mais poderiam voltar".
Ser gay na Chechênia é, antes de tudo, submeter-se a uma sociedade estruturalmente homofóbica. É sofrer por não ser tolerado entre familiares e amigos. É ser perseguido pelo Estado que quer a todo custo eliminar a existência dos homossexuais. A intolerância chegou a tal ponto que muitos homossexuais se refugiam dali. Para que sobrevivam, é necessário que saiam da Rússia, uma vez que as autoridades chechenas têm, comprovadamente, a capacidade de persegui-los dentro de todo o país. Por isso, se faz emergencial que os países, sobretudo os limítrofes, abram suas portas a esses homens que tiveram seu direito de viver extirpado, unicamente por ser o que são.
Diante dessa estarrecedora condição, o que é ser gay no Brasil? Aqui não há uma política estatal descarada de perseguição às minorias, mas há deputado federal endeusado por proferir discurso de ódio contra LGBTs. Assassinatos de honra não ocorrem na mesma frequência com que ocorrem na Chechênia, porém é comum que homossexuais sintam, pelo menos uma vez na vida, a dor da rejeição de pessoas amadas - amigos e familiares - por ser algo que não escolheram ser. História de homossexuais que foram expulsos de casa não é difícil de ouvir. No Brasil, há Parada Gay, uma grande festança colorida que toma conta das ruas e manda uma mensagem à sociedade: nós existimos e sabemos nos divertir. O número de ativistas da causa LGBT cresce a cada dia, e, apesar de sofrerem retaliações nos ambientes mais conservadores, gozam de uma relativa liberdade de expressão.
Ainda que as disparidades de classe criem lapsos internos, os homossexuais brasileiros conquistaram direitos básicos, além de terem ganhado visibilidade. Os maiores desafios por aqui ainda são os valores sobre os quais a sociedade brasileira se estrutura e que continuam a nos descriminar injustamente. Apesar disso, não vivemos num regime descaradamente homofóbico, que sequestra e mata. E é por essa razão devemos acompanhar atentamente a situação dos gays da Chechênia, divulgar o quanto for preciso e lembrar ao mundo que há homossexuais sendo perseguidos e correndo risco de vida. No dia 26 de junho de 2015 houve tanto alarde pela vitória conquistada, então por que não fazer alarde pela situação dos gays da Chechênia?
submitted by spooky_matt to brasil [link] [comments]